Blog
Sydney

Marcelo conta da sua vida em Sydney!

Marcelo decidiu que era hora de mudar. Percebeu que o sucesso profissional e a realização pessoal nem sempre caminham lado a lado. Ele mudou de país, de vida e de perspectiva. Já completaram 2 anos que deixou uma carreira promissora em São Paulo e partiu para Sydney. Finalizou seu curso de MBA e agora dedica-se a fazer o que mais gosta: ser feliz. Com muito alto-astral e positividade, ele vive uma das melhores experiências da sua vida…

Surfing in marroubra

Surfing in Marroubra

 

  1) Fale um pouco sobre você

Meu nome é Marcelo, tenho 36 anos estou na Austrália há dois anos e meio. Vivo na belíssima praia de Maroubra em Sydney.

 2)      Porque a Austrália? Como foi parar tão longe de casa?

Sempre sonhei em viver na Austrália e sabia que algum dia viria para essas bandas. Então um dia resolvi fazer meu MBA em Sydney e foi assim que tudo começou.

3)      Em que cidade mora? E o que mais te agrada nesta cidade?

Desde que cheguei, moro em Sydney. Acho essa cidade incrível, pois oferece de tudo um pouco; do sossego da praia, belas paisagens naturais e inúmeros parques nacionais que cercam a região metropolitana. Sem contar da diversidade cultural, por exemplo, você pode tomar um cafezinho Brasileiro, almoçar em um restaurante Vietinamita e mais tarde ir ver um filme Australiano.

At work

Experiência de trabalho como barman

 

4)      Você estuda ou trabalha? Ou ambos?

Durante o meu MBA, tive que procurar um emprego meio-período. Nessa época fiz de tudo um pouco;
fui jardineiro, pedreiro, barista, barmen e garçom. Atualmente trabalho com Marketing e Vendas em uma empresa Australiana.

Acho que vale muito a pena sair da sua zona de conforto e aprender coisas novas, trabalhando em empregos que nunca havia imaginado, mas que enriqueceram muito a minha experiência por aqui.

5)      Fale de uma experiência bacana na Austrália?

Na Austrália você tem acesso à muitas coisas e estar aberto às oportunidades é fundamental. Um momento especial foi ir ao BluesFest em Byron Bay; um festival de musica incrível com os melhores músicos do mundo. Além de muito organizado, o encontro tem uma atmosfera indescritível.

Bluesfest byron bay 2016 Bluesfest Byron Bay 2016

 

6)      Como é o seu dia-a-dia na Austrália?

Tenho uma vida bem tranquila e saudável. Acordo cedo e vou surfar, não importa a qualidade das ondas, o importante para mim é começar o dia na água. Trabalho durante o dia e quando volto geralmente paro na praia para curtir o fim de tarde. Finais de semana sempre tem um churrasquinho na praia ou uma pequena trip para um lugar diferente. Adoro sair jantar com os amigos e experimentar alguma comida diferente e típica de algum outro lugar do mundo.

7)      Algo que não gosta na Austrália?

Acho que a única coisa aqui que pega é a distância do Brasil.

8)      Qual sua opinião sobre os Aussies?

A galera aqui é tranquila e sempre disposta a ajudar. Se te conhecem e são seus amigos, farão de tudo para que você sinta-se em casa. Eu definiria um povo “cuca fresca”.

9)      Qual foi a principal mudança na sua vida desde que chegou? Algo novo que não fazia no Brasil?

O que mais mudou foram as minhas prioridades. Nos dias de hoje, não abriria mão da tranquilidade que tenho por uma carreira que consumisse todo meu tempo, pois mesmo trabalhando bastante, hoje em dia consigo ponderar melhor a minha vida pessoal, e isso é precioso.

 

Skate

 

10)   Ônibus, carro, metrô, bike ou skate?

Uso todos. Tenho carro que facilita bastante as viagens, mas geralmente utilizo ônibus para ir até o centro da cidade e junto levo meu skate para transitar nas calçadas e parques mais rápido.

11)   De 1 a 10 pontue os tópicos abaixo:

– seu inglês quando chegou: 9

– seu Inglês agora: 10

–  seu nível de felicidade: 10

– seu nível de stress: 5

– sua experiência: 10

– a sua cidade como destino recomendado: 10

– seu estilo de vida:10

16) Escreva o que te move e o que enche o seu coração de alegria                

O que me move são as experiências que posso ter num tempo tão curto. Quanto mais exploro esse momento descobrindo diferentes capacidades que tenho, minha vida me transforma numa pessoa mais feliz e contente. Acho que é fundamental para nossa felicidade realizar determinados sonhos. Eu não gostaria de chegar próximo do final dessa jornada e ao refletir perceber que meus sonhos não foram concretizados por barreiras impostas pelo homem racional na minha mente livre.

Forev young“Forever Young” – celebrando o niver em Oz Land

 

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Email this to someone

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Por favor escribe los carácteres de esta imagen en el cuadro inferior.

    Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada

Utilizamos cOOkies para hacer tu vida más fácil. Click para más información.Leer más CERRAR